Esse é um daqueles assuntos que se a gente pensar 5 segundos não aperta o botão de publicar. É tão complexo quando a gente sabe que a maneira como algumas pessoas vão receber o assunto pode não ser na mesma vibe com que a gente está comunicando, que deve rolar um medinho em alguns. Por sorte, não em mim! rs

Estamos aqui pra isso, não é? Dividirmos, de maneira gentil e respeitosa, nossas opiniões e conhecimentos. Nos últimos 5 anos nossa fórmula tem dado certo e em time que esta ganhando… ; )

Mas vamos falar desse caso tão polêmico: orçamento!

Lembrando que hoje – vou pensar no assunto, ok? Me preparar para o “evento” -, não vou falar de precificação e sim do ponto de vista comportamental, já que vocês foram tão participativos pelo Instagram (@criandoecontandome segue aqui!).

Uma das coisas que percebo diferenciar grandes empresas, marcas e profissionais de sucesso são os processos. Processos são a série de etapas que você estabelece e aplica para se manter organizado, atender melhor o público e obter melhores resultados.

Vou citar alguns exemplos: Cliente entra em contato por e-mail – Você tem mensagem automática, responde em no máximo 24h, envia um texto pré formatado e uma proposta base para esse primeiro contato. Cliente entra em contato através do whatsapp – Você responde das 9h às 18h, envia um texto explicativo mais curto, envia uma proposta base, estende o atendimento com uma abordagem mais pessoal. Após o envio desse orçamento, confirma o aceite do cliente, envia o contrato, dados bancários para pagamento, recibo e primeiras perguntas do briefing.

É importante ressaltar que quanto mais da sua identidade visual estiver implícita em cada etapa desse processo, visualmente falando, inclusive, mais você vai consolidar a sua marca na cabeça, e porque não, no coração do seu cliente.

Lembre-se: Você é uma marca! Mas isso é assunto para nosso próximo bate papo!

Enfim, eu poderia listar muito, muito mais do que pode fazer parte do seu processo de atendimento e que, com certeza, torna ou tornará a sua vida muito mais fácil e organizada.

Lendo assim, sei que pode parecer meio engessado, mas não precisa, quem pode fazer com que tudo seja leve e flua preservando as características da empresa/marca, é você!

O orçamento é, provavelmente, o primeiro contato oficial, tête-à-tête com nosso futuro cliente ou fornecedor/vendedor/prestador de serviço, e por isso saber se posicionar e se apresentar é tão importante.

Se a premissa de que ‘a primeira impressão é a que fica’ for verdadeira, você precisa que a sua seja impecável!

Quando recebo um orçamento onde o cliente escreve “Oi, quero saber quanto custa uma decoração para Agosto”, algumas lacunas precisam ser preenchidas, mas antes de todas elas, confesso que sinto como se aquela pessoa não estivesse realmente afim ou inclinada a ser meu cliente, porque, sinceramente, faltou…na falta de palavras melhores, calor humano e real demonstração de interesse pelo meu trabalho.

Assim também acontece com o cliente que recebe como resposta: “Oi fulano, a decoração custa x valor”. Que tipo de impressão eu passo com uma resposta como essa? Desinteresse, despreparo e até falta de educação.

É muito importante no meu caso como decoradora, saber de outras informações que serão pertinentes para o valor final da minha proposta. Pensando nisso, liste um mini código de conduta para o tipo de pedido de orçamento que funciona para mim:

É muito importante frisar que estamos aqui para sanar quaisquer dúvidas que surjam, assim como te aconselho a fazer uma pequena lista com todas elas, especialmente antes de fechar, para que quando fizer, tenha certeza do que está contratando.

Além disso, é preciso ter em mente que não expressar claramente o seu desejo de reservar a data e seu interesse em fazer o pagamento do sinal, não garante que ela tenha sido bloqueada para você.

Sabiam que esse é um dos maiores problemas que ouço os amigos decoradores relatando? Clientes achando que reservaram suas datas porque comentaram em algum momento que tinham interesse em fechar, mas não formalizaram como se deve. Fiquem atentos!

Claro que cabe a nós decoradores, alertar nossos clientes das condições de reserva, então, como bons vendedores, façam sua parte sendo transparentes na tirada de dúvidas, prometendo apenas o que podem cumprir e orientando os clientes quanto a essa primeira parte do processo de orçamento e reserva de data.

Quando somos bem atendidos sentimos confiança. Quando recebemos um orçamento organizado, bonito e bem escrito também. Quantas vendas deixam de ser fechadas todos os dias por falta de um bom atendimento? Tenham isso em mente, entreguem o que gostariam de receber. Se o cliente não fechou nesse momento, não significa que não irá fechar no futuro e na hora de escolher, tenha certeza de que ele vai priorizar falar novamente com quem teve todo esse cuidado e atenção.

Pensando nisso, além desse nosso papo por aqui, vamos conversar ainda mais no IGTV, no vídeo que vai ao ar logo, logo.

Que tal vocês me ajudarem com mais sugestões de pauta? Comentem aqui, compartilhem com os amigos, vamos dividir nosso conhecimento.

Até a próxima!

Beijos, com carinho.

Lu.