Como todo e qualquer processo de construção de relacionamento, alguns levam tempo. Paciência e estratégia são com toda certeza as duas palavras chaves para todo e qualquer fornecedor que está buscando apresentar seu trabalho e fidelizar clientes.

Resolvi escrever essa publicação, por causa de uma mensagem que recebi no Instagram:

Relacionamento é uma das coisas que eu mais prezo na minha vida pessoal e profissional.

Sempre que estou procurando um produto ou quero checar se uma loja existe de verdade – não que isso seja 100% garantido, ok? – a primeira coisa que faço é dar um google para procurar o site ou instagram. Aproveito e dou uma verificada nos comentários para confirmar se o público está satisfeito com os produtos, o atendimento, etc.

Isso nos leva a: ESTEJA NA INTERNET!

Se você está comendo agora, traçou sua estratégia, criou sua marca, fez tudo direitinho, o segundo passo é: comece a produzir. E depois de produzir, capriche nas produções, nas fotos e na legenda e publique, mostre seu trabalho.

Ok Luana, essa parte eu entendi, mas e aí, como encontrar/ criar um relacionamento com os clientes?

Se você vende doces, entre em contato com clientes em potencial – lojas, cafeterias, decoradores de festa, casas de festa – e ofereça uma degustação.

Se você presta um serviço, crie um portfólio em PDF com os seus principais trabalhos e envie para os clientes. Caso você tenha tudo documentado em seu site ou facebook/instagram, envie seu link e convide a conhecerem um pouco mais do que você faz.

Se você trabalha com papelaria, por exemplo, se ofereça para parcerias em algum projeto daquele decorador ou diga que gostaria de enviar uma lembrança para apresentar seu trabalho e capriche na apresentação do que escolher enviar.

Esteja onde os clientes estão!

Nesse caso, continue lendo…rs =)

Descontos podem atrair clientes momentaneamente mas não fidelizam. Esteja atento a isso e valorize seu tempo, seu trabalho e seu produto/serviço.

Você vive preocupado com a concorrência?

Minha dica mais valiosa:

Espero que essas questões que levantei aqui te coloquem para pensar, que sua cabeça já esteja fervilhando de ideias e que as dicas sejam valiosas.

Deixe sugestões para a próxima publicação!

Beijos e até o próximo post,

Lu.