Tenho um carinho muito especial por todos os projetos que já desenvolvi. Até mesmo os clássicos já tão revisitados requerem estudo para que algum detalhe que não tenha sido visto, possa ser o gancho para uma proposta nova naquela decoração.

Acho que eu venho de uma tradição de projetos pequenos e levemente desafiadores, de Pedro e os balões, Capitão Pedro e a Baleia Azul à um fundo do mar com pirata, sereia e mergulhadora, eu já passeei por temas, digamos assim, diferentes, mas nada, nada, nada se comparou A Criação do Mundo em 7 dias.

“ E no princípio Deus criou os céus e a terra”

 LISTA DE DESAFIOS

  1. Eu nunca li a Bíblia, nesse caso, gênesis – não me julguem! Rs
  2. A família era evangélica, ou seja, entendia do assunto bem mais que eu
  3. A festa era para um menininho de 1 ano e uma menininha de 3 anos
  4. A mãe fez questão que todos os detalhes fossem contados da maneira mais fiel possível
  5. Eu precisava fazer isso de uma forma lúdica, linda e alegre, afinal, era para crianças
  6. Deveria seguir a ordem cronológica!
  7. Era preciso juntar tudo isso em uma mesa de 2x1m e um cenário de 4m – Agora quem é decorador sentiu um arrepio, né?? Kkkkkk

Uma lista de 7 pequenos desafios para a construção da Criação do Mundo em 7 dias. Quando comecei a escrever não foi de propósito, mas não é que o 7 perseguiu essa festa?! Rs

PROCESSO CRIATIVO

Enquanto escrevo, não consigo deixar de cantarolar uma música que permeou demais meus pensamentos durante o desenrolar desse projeto.

“Se eu fosse um elefante, com a minha tromba eu iria orar

Se eu fosse um grande urso polar, com a minha barriga eu iria orar

Se eu fosse um peixinho lá no fundo do mar, louvaria ao Senhor sem parar de nadar

Mas nem elefante, nem urso, nem peixinho eu sou”

Para vocês entenderem como a minha cabeça funcionou e qual foi meu processo criativo, vou precisar de outra pequena lista para explicar. Lá vai:

IDENTIDADE VISUAL A identidade foi o ponto de partida para que eu entendesse como gostaria de apresentar essa história ao ‘mundo’;

PALETA DE CORES Quais cores todos os elementos da mesa terial em comum;

BÍBLIA ilustrada para crianças – Eu tinha que entender, não só como gênesis era contado aos adultos, mas como ver isso do ponto de vista dos pequenininhos;

ORDEM CRONOLÓGICA Como fazer com que as pessoas passeassem pela mesa, entendendo onde era o primeiro dia e onde era o sétimo;

HARMONIA – Escolhi todas as peças claras para harmonizar com todos os doces, mimos e papelaria que iriam na mesa me ajudar a contar essa história. Quanto menos cor, melhor;

ALTURAS –  Criar alturas era a chave para que todos os detalhes ganhassem seus devidos destaques na hora de contar essa história;

1 METRO A MAIS – Foi preciso entender que uma mesa pequena ficaria super lotada e eu precisaria de pelo menos 1 metro a mais para que tudo fluísse sem parecer Madureira em dia de camelôs na rua, sabem? rs,

SENSIBILIDADE – Durante todo o processo conversei muito com a mãe, eu queria entender o sentimento dela em relação ao tema, o que ela imaginou ver, o que não poderia faltar, como ela entendia esses 7 dias de criação, o que era importante. Foram longos e-mails e conversas diárias, até que fosse possível captar tudo.

Imaginem contar uma das histórias mais importantes da humanidade, como tudo começou, de forma lúdica para crianças em um espaço pequeno? Esse era o desafio entendem? Especialmente saber que eu estava entrando em uma área extremamente importante para uma família engajada dentro de sua crença.

Quero deixar uma dica super fofinha aqui para vocês que foi esse livrinho que me ajudou demais. Ele é para pintar com água, foi dentro da mochilinha que fizemos para as crianças ganharem de lembrança. Super lúdico e divertido, conta a história da criação de uma forma leve e interessante para os pequenos.

Semeando a Palavra que transforma vidas      Sociedade Bíblica do Brasil

PARTE BOA, AS FOTOS!

Projeto, execução, lembranças, mimos de luxo e centros de mesa : Luana Siqueira – Criando e Contando | Local: Leme Tênis Clube | Mobiliário: Meu Mundo É uma Festa | Cilindro acrílico: FestuarPainel: Nuvem Sublimação | Identidade Visual: Camila Pontes | Flores: Rosa Arco Íris | Papelaria: Crie e Cole | Bolos: Cakeria Carioca – Alex Alvino | Balões: Valentina Balões | Toalhas: Fiesta Toalhas | Biscuits: Aline Carrara Biscuit  | Doces: Lulli Doces | Fotografia e Filme: Diogo Estrela | Recreação: Bola de Sabão | Pipoca: Tia Amanda Pipocas | Sorvetes: Nuvem Sorvetes

E aí, gostaram? Até a próxima festeiros!

Beijos, Lu.

 

 

Leia também