Eu adoro essa tag aqui no blog e sempre deixo para escrever de última hora, porque curto deixar para escrever sobre alguma coisa que super tenha feito minha cabeça nos últimos dias, sabem?

Como ontem foi dia do artesão – PARABÉNS mais uma vez! -, nada melhor do que falar de um trabalho super artesanal. Eu considero diversos profissionais como artesãos, até mesmo os designers, porque precisa de talento com as mãos para desenhar a mão livre digitalmente, por exemplo. 
Pode ser que muitos não concordem, já que é um trabalho digital, digamos assim, mas se pararmos para pensar, a definição para artesão* é a seguinte: é um profissional que fabrica produtos através de um processo manual ou com auxílio de ferramentas. Sua profissão usualmente requer algum tipo de habilidade ou conhecimento especializado na sua prática.

Acho que todos nós que amamos festas devemos valorizar demais o trabalho dessas pessoas tão talentosas. Um trabalho, independente da maneira como é executado, demanda estudo, dedicação, tempo de pesquisa, etc, então jamais julgue um trabalho como sendo caro demais para uma coisa tão pequenininha, ou tão simples que possa ser feito rapidinho, porque não funciona dessa maneira. Quando um orçamento não cabe no nosso bolso, é de bom tom que, caso queiramos muito ter um trabalho daquele profissional em nossa festinha cogitemos a possibilidade de diminuir o número de itens para tê-lo ou apenas agradeçamos e entremos em contato com um novo fornecedor.

Não fico contente quando vejo um cliente sendo tratado com descortesia, assim como não gosto de ver um colega (a abusada, só porque personaliza umas coisinhas já se inclui na categoria, né? hahaha) sendo tratado dessa maneira. 

Em homenagem ao dia de hoje, escolhi postar um trabalho super especial, que é feito por um artesão de muito talento chamado Joy Almeida. Ele tem um perfil no face recheado de fotos bacanas dos seus trabalhos e comprovei de pertinho esse dom para desenho,  descrevi um display e ele fez um croqui – diz ele que nada caprichado, só que não! rs – exatamente como eu havia imagino. O Super Pedro ainda não ficou pronto, mas assim que receber venho contar para vocês.

Croqui do meu Super Pedro! <3



O Joy é pintor e desenhista, faz de painéis e displays à essas letras lindas, com detalhes incríveis para compor a mesa do bolo, a entrada da festa ou o cenário de chão. É um trabalho extremamente artesanal e a precisão com quem ele pinta cada detalhe, ilumina, faz sombreado é impressionante!

Joy, obrigada por topar participar do Criando e Contando, seu trabalho fala por si, parabéns e que Deus conserve esse dom.

Aposto que todos vocês já correram para enviar um inbox e garantir lindezas com o nome e tema dos pequenos, não é mesmo? hahaha

Beijos, com carinho,
Lu.